TRANSLATOR( BLOG OR POST)

30 de out de 2010

Mancha de lágrima em cães

                                   
(Aqui Sunshine quando chegou, com pouco mais de 3 meses- Fevereiro 2008)

Ah, eu lembro bem de como foi complicada a pesquisa sobre a mancha de lágrimas no pelo de meu maltês, causada por epífora. Páginas e páginas de leitura. Palpites os mais estapafúrdios, sugestões mirabolantes, informações desencontradas. Até mandaram que eu me conformasse, pois sem cirurgia jamais iria melhorar.
Quem pesquisar sobre o assunto continuará vendo sugestões de rações(não funcionaram), cristal eyes(não funcionou) e mais uma série de coisas.

(Aqui com 11 meses- Outubro de 2008)

Eu olhava essa carinha mais que linda e sofria. Por mim por ver a estampa e por ele pelo cheirinho desagradável(algumas pessoas pensam que eles tem mau hálito, mas na maioria das vezes é por conta desse problema). Aqueles pelos endurecidos pelas lágrimas chegavam a machucar os olhos dele. 

Pois bem. Tenho uma boa notícia. Tanto para quem tem cães de pelagem branca(e quase sempre pele cor de rosa), como para quem está pensando em ter o seu. Existe um jeito bem simples. Desde que seu cão não seja cão de competição que tenha que manter o padrão de comprimento do bigode.

O que eu fiz para as manchas marrons e fedidinhas diminuirem e até desaparecerem do focinho de meu cãozinho:

1. pedi à tosadora que cortasse os pelos mais próximos aos olhos. Quando as lágrimas vazam permanecem neles e acumulam sujeiras;

2. o bigode foi cortado na altura de até dois dedos abaixo do focinho, de modo que não fique com cara estranha, mas ao mesmo tempo elimine a parte mais escura da mancha;

3. existem alguns produtos que ajudam a limpar a área, mas o que melhor funcionou com o Sunshine foi um produto vendido em farmácias homeopáticas, chamado Colírio de eufrásia(euphrasia officinalis- Almeida Prado*). Pinguei uma gotinha em cada olho todos os dias. Repito: todos os dias.

(Com alguns meses de uso do remédio e de bigodes cortados)

Simples assim. Depois de um mês comecei a ver a enorme diferença. Os pelos deixaram de receber aquela carga de lágrimas e à medida que foram nascendo novos pelos do bigode e ao redor dos olhos ficaram quase brancos.

Hoje em dia continuo pingando o colírio todos os dias.
Parece o mesmo cãozinho da foto lá de cima?
Fale com seu veterinário, se sobrou alguma dúvida.


UPGRADE: Usei, bem recentemente, um produto nacional chamado Lágrimas de Anjo, durante mais de dois meses, na dosagem de duas cápsulas por dia com minha cachorrinha maltês Brisa(na foto abaixo ela é a do meio), que começou a apresentar manchas a partir de dez meses. Dei a ela só o pozinho, para evitar que se engasgasse. É bem palatável, com leve cheiro de peixe e ela aceitou sem problemas.Não houve nenhuma diferença nas manchas. O produto é caro. No meu caso não valeu o preço.

(O peladinho é o Sunshine hoje em dia.)

* Não ganho nada pela propaganda. Custa em torno de R$35,00 e dura 6 meses ou mais.

A cada um o seu chapeu

O Governo sério procura justiça. O governo malandro é procurado pela Justiça.(Mário Covas- político brasileiro )

A maior corrupção se acha onde a maior pobreza está ao lado da maior riqueza.(José Bonifácio de Andrada e Silva- Patriarca da Independência) Já naquele tempo, hein, Seu Zé?

28 de out de 2010

Guarde esse nome: Ruan Veloso

Ele dorme na rua e vende balinhas para sobreviver. Um dia foi detido para averiguação. Foi parar no Youtube por conta de policiais que souberam ouvir o que ele tinha a cantar.



Se depender de torcida, vai mudar de vida em breve. Basta que um empresário reconheça seu talento.

Vídeo enviado pelo sócio WHD.

25 de out de 2010

Convite

Você aceita voar comigo?

Se não conseguir acessar o link, entre aqui: http://www.tubewatcher.tv/198

Boa semana!

Dica: veja em tela cheia.

22 de out de 2010

Quando o Sol solta um pum


Enquanto uns ganham dinheiro com o medo alheio do número 2012, passa quase sem ser visto e discutido um fato inevitável. Aproxima-se a data em que o sol ejetará um de seus ventos mais fortes até aqui conhecidos ou imaginados. E quando esse vigoroso e poderoso senhor solta seus ventos, sai da frente!

Você ainda lembra do bug do milênio? Alguém tem ideia dos bilhões gastos em proteção, programas, equipamentos, noites de insônia, centenas de milhares de backups, palestras, softwares, reuniões(eu participei pelo menos de cinco), impressos, mensagens, discussões e loucuras sem fim?

Resultou que quem provocou aquele rebuliço ganhou dinheiro e atenção e se alguém tem algum relato de danos que me conte. Pelo menos metade daquela confusão foi desnecessária, eu acredito piamente. A outra metade, vá lá, que pelo menos ajudou alguns desocupados a saberem o que acontecia ao seu lado, a aprenderem um pouco da linguagem de informática, a encontrarem o colega que não viam há anos, a instalarem um antivírus, a não abrirem mensagens e anexos desconhecidos. No mais...

Pois bem. A tempestade solar é inevitável(o alerta começou em maio deste ano) e afetará tudo o que for eletrônico não protegido. Por protegido entenda-se algo como um bunker, paredes de chumbo ou outros materiais de segurança contra o poder do que virá. O resto puft! Queimará no segundo em que for atingido. Inclusive seu celular, mocinha! Até os satélites. E os aviões que estiverem no ar ou no solo perderão componentes. Já imaginou?

Pergunto e repasso a vocês a questão: quem tem interesse em deixar que todos os circuitos eletrônicos do planetinha queimem no ato? Por que aquela neurose do bug ainda não se iniciou em relação à tempestade solar?

Conseguem fazer ideia do quanto terá de ser jogado fora, substituído, consertado? Bem, se eu estivesse interessada em ficar milionária, começaria a fabricar caixinhas de chumbo para as pessoas guardarem seus eletrônicos(olha o celular aí, gente!). Ou abriria uma oficina de consertos. Ou fábrica de circuitos. Ou de capacetes e coletes de chumbo.

Uma coisa deve ocupar sua mente: se o final da Terra não vier em 2012, melhor ficar informado sobre o assunto e decidir onde dormir em 2013.

Matéria da Nasa(em inglês): aqui
Matéria do Discovery Chanel: aqui
Para saber o que é tempestade solar: aqui

A imagem veio deste site. Muito interessante.

20 de out de 2010

R.I.P.

Foi de sábado para domingo. Jamais pensei que esse desenlace ocorreria na noite da troca para o horário de verão(que verão? estamos na primavera a 15 graus!). Quando a noite já estava no domingo há vinte minutos, cada um procurou o ninho que lhe cabia.

Mal havia acomodado a cabeça no travesseiro, em meio àquele silêncio que só é possivel no paraíso, ouviu-se um biiip.

BIIIP?

Mãe acostumada a acordar ao primeiro suspiro do filho, jamais perde o hábito. Assim, arregalei os olhos no escuro, acendi a lâmpada do abajur e deparei com o cachorrinho já a andar pela casa, desconfiado daquele BIIIP inusitado. (Por que acender a luz? Para pensar melhor?)

O que há neste quarto que pudesse fazer BIIIP? Rádio-relógio?  Câmera fotográfica? Secretária eletrônica do telefone? Nunca fez isso! Bateria da lâmpada de emergência? Hummm...não! Computador? Será?? Ele muda automaticamente para esse horário burro, mas não consegui lembrar se alguma vez fizera BIIIP em protesto. 

De qualquer modo, aceitei a última hipótese e sosseguei o pito, como se diz em casa, uma vez que o BIIIP não  me pareceu ser capaz de provocar uma faísca escondida, que me fizesse saltar da cama no meio da madrugada, ou me sufocasse aos poucos com fumaça.

Na segunda-feira, por força de ir ao veterinário com o cão alérgico, saquei da bolsa atrás da porta e, como é de praxe, liguei o celular, que dorme em berço esplêndido, desligado, pela simples razão de que acho pouco inteligente usá-lo em casa, se tenho um telefone fixo à disposição.

Espere ai! Eu disse liguei o celular?  Em fração de segundos peguei o BIIIP do sábado e traduzi por aquela coisa morta em minha mão. Não acende a luzinha da tela, não diz coisa nenhuma e não liga, não liga e não liga. Simplesmente fez BIIIP... e morreu!

Muita falta não fará enquanto algum técnico não lhe abra as entranhas e descubra se a doença foi terminal ou se ainda há esperança. Não sou maníaca por celular e só me serve para atender ou fazer alguma ligação fora de casa ou para uma seleta mensagem.

Todavia, agora é que vem elas. Experimente ir a algum lugar e responder ao atendente, balconista ou caixa, que você não tem celular. De repente você vira extraterrestre, um ser alienado, figura sui generis, ser  em extinção, que deveria estar num museu ou no hospício.

De olhos arregalados vem a pergunta: - COMO? NÃO TEM CELULAR?(Isso mesmo, quase gritando.)

Todos ao redor olham para você, cochicham entre si, alguns com um sorrisinho irônico, outros desconfiados dessa pessoa que ainda fala, que anda, compra, dirige, paga contas, não parou de respirar e NÃO TEM CELULAR.

Eu garanto a você: é uma experiência inesquecível.
_______________________________
Update: ressuscitou quando trocaram a bateria que segundo a balconista morre mesmo a partir de um ano de uso. Carambolas! Vida curta a sua, viu?
--------------------------------------------
O Blogger avisa que não está fazendo uploads de imagens porque estão consertando alguma coisa por lá. Mas será o Benedito?

17 de out de 2010

Poeira de estrelas

Mesmo duvidando, às vezes pouco, às vezes muito, arrisquei fazer meu mapa astral. Sei que muitas informações são mais ou menos genéricas, mas meu espanto está no acerto de alguns detalhes, que precisarei guardar no cofre, afinal mistério é meu tempero básico. 

Minha cabeça a quilômetros adiante é por conta do Sol em Aquário quando nasci. Já não bastava ter nascido sob o signo de Aquário?

O que mantém meus pés no chão é meu ascendente em Libra, um perigo dobrado, mas balanceado(alô, Pitanga!).

Se você tiver curiosidade de obter seu mapa astral, gratuito, entre aqui. Depois de ver o desenho vá direto para os escritos. Leia com cautela. Algumas assertivas são sutis.

Ainda estou esperando uma tal herança que aparece repetidamente, insistentemente. Todavia, que ao entrar na maturidade eu procuraria um lugar sossegado para morar? Vai acertar assim lá na Capadócia!

Distinta plateia, sou até uma pessoinha bem interessante de acordo com o mapa e alguém mais velho afastará os medos dispensáveis. Alô, vovô! Cadê você?

15 de out de 2010

Obrigada, Fessora!

Ser professor não é fácil. Veja o texto abaixo, que não tem nada a ver com religião.

O Sermão da Montanha (versão para educadores*)

Naquele tempo, Jesus subiu a um monte seguido pela multidão e, sentado sobre uma grande pedra, deixou que os seus discípulos e seguidores se aproximassem.Ele os preparava para serem os educadores capazes de transmitir a lição da Boa Nova a todos os homens.
Tomando a palavra, disse-lhes:
- "Em verdade, em verdade, vos digo: Felizes os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus. Felizes os que tem fome e sede de justiça, porque serão saciados. Felizes os misericordiosos, porque eles..."


Pedro interrompeu:  Mestre, vamos ter que saber isso de cor?
André perguntou:  É pra copiar?
Felipe lamentou-se:  Esqueci meu papiro!
Bartolomeu quis saber:  Vai cair na prova?
João levantou a mão:  Posso ir ao banheiro?
Judas Iscariotes resmungou:  O que é que a gente vai ganhar com isso?
Judas Tadeu defendeu-se:  Foi o outro Judas que perguntou!
Tomé questionou:  Tem uma fórmula pra provar que isso tá certo?
Tiago Maior indagou:  Vai valer nota?
Tiago Menor reclamou:  Não ouvi nada, com esse grandão na minha frente.
Simão Zelote gritou, nervoso:  Mas porque é que não dá logo a resposta e pronto!?
Mateus queixou-se: Eu não entendi nada, ninguém entendeu nada!

Um dos fariseus, que nunca tinha estado diante de uma multidão, nem ensinado nada a ninguém, tomou a palavra e dirigiu-se a Jesus, dizendo:


- Isso que o senhor está fazendo é uma aula? Onde está o seu plano de curso e a avaliação diagnóstica? Quais são os objetivos gerais e específicos? Quais são as suas estratégias para recuperação dos conhecimentos prévios?


Caifás emendou:  Fez uma programação que inclua os temas transversais e atividades integradoras com outras disciplinas? E os espaços para incluir os parâmetros curriculares gerais? Elaborou os conteúdos conceituais, processuais e atitudinais?

Pilatos, sentado lá no fundão, disse a Jesus:  Quero ver as avaliações da primeira, segunda e terceira etapas e reservo-me o direito de, ao final, aumentar as notas dos seus discípulos para que se cumpram as promessas do Imperador de um ensino de qualidade. Nem pensar em números e estatísticas que coloquem em dúvida a eficácia do nosso projeto. E vê lá se não vai reprovar alguém! Lembre-se que você ainda não é professor titular...


É! Nem Jesus aguentaria ser professor nos dias de hoje...


Parabéns a todos os que ensinam e educam e obrigada!
________________________________
*Muito devo a eles que criaram e cortaram oportunidades. Ao criar me deram chances; ao limitar, me desafiaram.
Jamais vou esquecer da professora que me mandou calar a boca, quando eu disse surpresa: A costa da América do Sul cabe na costa da África!!!
Isso há mais de 50 anos, quando nem se cogitava sobre o afastamento dos continentes. Ali começou meu encantamento, minha curiosidade insaciável.

Obs.: Recebi o texto por e-mail. Desconheço a autoria.

14 de out de 2010

O que você precisa saber antes de embarcar

A idade dos homens e os aviões

                                                         O melhor era rápido demais.

O Homem até os 20 anos: Avião de Papel
Apenas voos rápidos, de curto alcance e duração.

Dos 20 aos 30: Avião de Caça Militar
Sempre a postos, 7 dias por semana. Ataca qualquer objetivo. Capaz de executar várias missões, mesmo quando separadas por curtos intervalos de tempo.

Dos 30 aos 40: Aeronave Comercial de voos regionais
Mantém horários regulares. Destinos bastante conhecidos e rotineiros.Os voos nem sempre saem no horário previsto, o que demanda mudanças e adaptações que irritam a clientela.


Dos 40 aos 50: Aeronave Comercial de voos internacionais
Opera em horário de luxo.Destinos de alto nível. Voos longos, com raros sobressaltos. A clientela chega com grande expectativa, ao final, sai cansada, mas satisfeita.


Dos 50 aos 60: Aeronave de Carga
Preparação intensa e muito trabalho antes da decolagem. Uma vez no ar, ainda proporciona conforto durante a viagem. A clientela é composta, majoritariamente, por malas e diversos bagulhos.


Dos 60 aos 70: Asa Delta
Exige excelentes condições externas para alçar voo. Dá um trabalho enorme para decolar e, depois, evita manobras bruscas para não cair antes da hora. Após a aterragem, desmonta e guarda o equipamento.


Dos 70 aos 80: Planador
Só voa eventualmente, com auxílio. Repertório de manobras extremamente limitado. Uma vez no chão, precisa de ajuda até para voltar ao hangar.


Depois dos 80: Aeromodelo
Só enfeite.

(Imagine um exame do interior!)

A foto do extinto veio deste interessante site.

Recebi por e-mail. Desconheço autoria.

13 de out de 2010

Cadeirinhas para Carros- PERIGO!!!

 Cuidado! Alerta a todos, especialmente aos que estão pensando em comprar ou trocar as cadeirinhas exigidas por lei, no Brasil, para os pimpolhos que vão de carona.

Vocês precisam ler isto com urgência.

7 de out de 2010

Papai, o que é isto?

Quino, autor da Mafalda, desiludido com o rumo deste século no que diz respeito a valores e educação, deixou impresso no cartum o seu sentimento:

Recebi por e-mail de WHD. Desenhos protegidos por direitos autorais.

5 de out de 2010

Mistura tudo que sai tudo igual

Ali Larter
Você viu  na série Heroes.

Ana Hickmann

Modelo, apresentadora e empresária brasileira.

2 de out de 2010

Hora do Recreio

Nada como um jogo para quebrar a rotina.

Aceita o desafio deste?

Para outros jogos entre aqui.

Estou impossibilitada de colocar imagens no blogue. Só eu?